Criação de novas normas sobre compras públicas será coletiva

Até o final deste mês, sociedade poderá participar da construção do novo normativo por meio de debates e consulta pública

Foto: Clésio Rocha /ME

A construção coletiva da minuta do decreto de governança das contratações governamentais foi o destaque do workshop realizado durante toda a quarta-feira (10), na Escola Nacional de Administração Pública (Enap). Agentes públicos e especialistas da Rede Nacional de Compras Públicas (RNCP) foram convidados para discutir soluções voltadas ao aprimoramento da governança em contratações públicas. 

Até o final deste mês, a sociedade poderá participar da construção do novo normativo, por meio de workshops, reuniões, grupos de debate e também de consulta pública a ser realizada nas próximas semanas. O propósito é que todos os órgãos e entidades da Administração Pública Federal direta, autarquias e fundações implementem instrumentos de governança que promovam melhor efetividade em suas contratações. 

Mudança nas contratações

O secretário adjunto de Gestão do Ministério da Economia, Renato Fenili, enfatiza que o conjunto de ações de monitoramento deve assegurar que os interesses do cidadão sejam preservados nas contratações do governo. 

“Outras ações  –  como o PL nº 1.292/95 (em substituição à Lei 8.666/93, sobre licitações) e a proposta de decreto para regulamentar o pregão eletrônico (em substituição ao Decreto nº 5.450/05) juntamente com o decreto de governança  –  devem reestruturar significativamente as contratações”, afirmou Fenili durante o evento. 

“Hoje temos 103 normas centrais que regulamentam as compras públicas e as transferências voluntárias: seis legais e 97 infralegais que pretendemos simplificar. Até o final do ano iremos diminuir essa quantidade em 22%”, completou. 

Espaço virtual 

Durante o workshop na Enap, foi também lançado o Laboratório de Construção Colaborativa em Logística (LCCL). Trata-se de um espaço virtual que promoverá a participação social para a construção de soluções de projetos de contratações e transferências públicas. 

Além disso, serão discutidas propostas de valorização e capacitação de servidores, aprimoramento de metodologias de cadastros de bens e serviços e programas de sustentabilidade e consumo consciente nas contratações do governo. 

O que é a RNCP 

A Rede Nacional de Compras Públicas (RNCP) é uma comunidade sustentável que agrega agentes de licitação em nível nacional e promove a difusão de informações e experiências para o aprimoramento das compras públicas brasileiras. A Rede envolve unidades de compras da União, Estados, Distrito Federal e Municípios, além de outros entes que fomentam a modernização das Compras Públicas. 

Fonte: ME

;

Complementos

Minuta do Novo Decreto do Pregão Eletrônico

> Visualizar

Comentários

Nenhum comentário até o momento

Participe do congresso e veja a palestra: Compliance e Gestão de Riscos: Ferramentas para Efetividade do Programa de Integridade, com Rodrigo Pironti

Saiba mais